Aulas de robótica chegam a mais 13 colégios da rede municipal


Santana de Parnaiba, 13 de setembro de 2019

Alunos do Colégio Tom Jobim posam ao lado dos protótipos montados e programados por eles nas aulas de robótica

 Para melhorar ainda mais os índices da educação e iniciar a familiarização dos alunos com o mundo tecnológico a prefeitura ampliou neste semestre as aulas de robótica para mais 13 colégios do município, que atenderão cerca de 7 mil alunos dos ensinos fundamental I, II e médio.   
Além do Colégio Sebastião Athayde, que serviu como piloto para a implantação do projeto no ano passado, agora passam a contar com a disciplina os colégios Abelardo Marques, André Fernandes, Alba de Melo, Mário Covas, Álvaro Ribeiro, Aurélio Gianini, Dona Celina, Juscelino Kubitschek, Manoel Jacob, Helena Chaves, Maria Fernandes, Teotônio Vilela e Tom Jobim. De acordo com a Secretaria de Educação o objetivo é seguir ampliando as aulas de robótica para outros colégios do município. 
O aprendizado da robótica promove o desenvolvimento de uma série de habilidades como o raciocínio lógico, concentração, organização, estímulo da criatividade, facilidade para a resolução de problemas, além de trabalhar a interdisciplinaridade e facilitar o aprendizado das demais matérias da grade curricular, preparando os jovens do município para a vida pessoal e profissional.

“As aulas de robótica são sensacionais, porque são uma forma diferente e divertida de aprender. Eu, particularmente, não conheço outro município que ofereça aulas de robótica gratuitamente”. -  Bruno Garuti, aluno do Colégio Tom Jobim
“Com a robótica nossos alunos têm apresentado um ótimo desenvolvimento em áreas como a organização, trabalho em equipe, o que também tem tido reflexo nas demais matérias e o investimento que a prefeitura tem feito em educação aqui é algo incrível, não só com a robótica, mas também com o MindLab, a escola de idiomas e a capacitação dos profissionais de educação.” - Professora do Colégio Teotônio Vilela

 

 


Créditos:
Fotos:Sandro Almeida
Texto:Willian Rafael

         
Notícias